segunda-feira, 12 de outubro de 2009

O povo que vota, não é tão estúpido como julgam.

Depois de mais umas eleições autárquicas e conhecidos que são os resultados das mesmas, a Tesoura de Atarracar começa por felicitar a equipa vencedora. Agora, depois desta maioria esmagadora, tal com a Tesoura de Atarracar previu, resta desejar a melhor sorte para que consigam por em prática muitas mais outras ideias em prol do concelho e da população de Sesimbra.

Aos candidatos que venceram um lugar como vereador, a Tesoura de Atarracar espera vê-los assumir as suas funções e respectivos pelouros. Esperemos que os dois candidatos eleitos, consigam também como vereadores, defender os interesses da nossa terra. Ou será que só o conseguiriam fazer se tivessem sido eleitos presidentes? Está na altura de todos vermos o que é que fala mais alto, se o interesse em participar nas medidas que influenciam as nossa vidas tendo uma postura digna e assumindo o cargo como vereador e respectivo pelouro ou, se o interesse em candidatar-se seria apenas o de ser eleito presidente, mais preocupado com o seu próprio umbigo do que com os umbigos do povo.

Aos candidatos que não venceram, a Tesoura de Atarracar espera continuar a vê-los por aí, preocupados com o nosso destino. E já agora, não sejam só do contra. Sejam do contra mas com alternativas viáveis. Deixem-se de filosofias e utopias. Apostem em alternativas exequíveis e agarradas à realidade que nos envolve e que é Sesimbra.

A Tesoura de Atarracar não pode também deixar de fazer uma referência a todos os outros, os grandes pensadores pexitos. E porque estamos na blogoesfera, haverá que referir apenas dois blogs.

Depois de um adeus em Outubro de 2008, do qual ninguém sentiu saudades, a Magra Carta voltou três dias antes das eleições. Quase um ano depois, a Magra Carta sentiu “necessidade” de falar de politiquice e de justificar em quem iria votar…

E o Picadas que não publicava nada desde Dezembro de 2008, regressou também, a quatro dias das eleições, para nos dizer em quem deveríamos votar e porquê, apelando ao “voto útil”.

Que desespero caros senhores!

Mas será que só a escassos dias das eleições, é que tão eruditas figuras da nossa praça tiveram algo a dizer? Então mas onde é que andaram durante quase um ano? Só agora é que existem temas que justificam um post? Será que Sesimbra se resume a isto? Politiquices, amériquices, e outras ices?

E será que agora, durante os próximos dias os posts se vão resumir ao lavar de roupa suja de um partido que, tal como a Tesoura de Atarracar referiu, partiu derrotado para estas eleições? Não conseguem arrumar a casa sem se acusarem uns aos outros? Haverá que dar lugar a outros. Façam uma reforma aos dinossauros socialistas. Renovem. Esqueçam os que já andam nisto há várias décadas. Esqueçam também os outros que cá chegaram de pára-quedas e que, para além de terem descoberto a Pólvora, se julgam reis e senhores do partido.

E porque a Tesoura de Atarracar não é “um politico disfarçado de bloguer ou um bloguer disfarçado de político”, aqui fica uma verdade absoluta que deveria estar presente em todos os pensadores que fazem da política profissão: O povo que vota, não é tão estúpido como julgam.

Vejamos. Nas europeias. Alguém tinha dúvidas no resultado eleitoral, depois do apoio ao actual presidente da comissão europeia, por parte de Portugal e dos restantes países europeus?

Nas legislativas. Alguém pensou que o PS para além de perder a maioria absoluta, perderia as eleições para o PSD?

Então mas pelo que dizem os pensadores políticos, não devia ter sido o PSD a ganhar face ao resultado esmagador nas europeias? Lembrem-se, o povo que vota não é tão estúpido como julgam.

Nas autárquicas. Alguém tinha dúvidas que a Câmara do Porto continuaria laranja? Alguém duvidava que a Câmara de Lisboa continuaria rosa?

E em Sesimbra? Quem é que tinha dúvidas? A única dúvida que poderia existir era sobre o que a Quinta do Conde iria decidir e para quem…

Então mas segundo o divulgado pelos eruditos pensadores políticos pexitos, não devia ter sido o PS a ganhar em Sesimbra, face ao resultado das legislativas? Lembrem-se, o povo que vota não é tão estúpido como julgam.

Não eram favas contadas. E numa terra como esta, o povo gosta de conhecer as pessoas em quem vota. Saber quem são, quem era o pai, a mãe, o tio, o avô, a mulher, os filhos,… onde é que mora, onde é que trabalha, quem são os amigos, onde é que vai almoçar, onde é que fez a primária, quem foi a professora, quando é que lhe nasceu o primeiro dente, se teve sarampo, se chorava quando levava vacinas,…

E com esta realidade local, pessoal, familiar, não há resultados europeus, ou resultados legislativos que influenciem resultados autárquicos. Muito menos em Sesimbra.

E para saber isto, basta sermos povo. Povo que vota e que não é tão estúpido como julgam…

E claro, isto não vem nos livros. Vem da experiência de vida. Deixem-se de filosofias. Aprendam com o que acabaram de assistir. Têm quatro anos para digerir. Têm quatro anos para se tentarem erguer. Não desperdicem tempo com lamúrias. É tempo de meditar e encontrar o verdadeiro “messias”.

Mas, tal como a Tesoura de Atarracar previu, com as assessorias, continuam em maioria…

Aguardemos pela tomada de posse e pelo lavar dos tachos… Até lá, aproveitem!

12 comentários:

Anónimo disse...

Este post é de uma soberba perfeitamente evitável. Tenha ganho ou perdido as eleições, nada justifica esta "lição" nem o tom em que é dada. Só lhe fica mal, para além de revelar alguma má educação.

Anacleto disse...

Está a falar por si, não?

Tomara a Tesoura de Atarracar ter a capacidade intelectual dos autores da MAgra Carta que, apesar de ausentes, conseguem escrever mais mensagens de qualidade num dia que o seu blogue em todo o tempo de existência.

Temos pena, deverá ver-se ao espelho antes de falar.

E cuidado com o mar...pode ficar turvo!

Anacleto (Pexito)

Anónimo disse...

O Povo não é estúpido.
Mas estes dirigentes do PS, o que serão?

Anacleto disse...

Dirigentes do PS ?

Olhe que não ! Se calhar estou mais próximo de si do que possa imaginar.
Conhece aquele filme, "Sei o que fizeste o Verão passado", pois este titulo pode-se muito bem aplicar a alguns de vós...não a todos, mas a a uma minoria.

Anacleto (Pexito)

amolador disse...

O povo não é estúpido, mas fica muito longe do espírito superior desta atarracada tesoura que acabará por cortar a própria língua.

Anónimo disse...

Fiquem descansados. O Magra Carta apareceu uma semana antes das eleições para se converter em mais um veículo do PS, e para o escriba tentar a sua aproximação ao candidato principal do PS.Como o tiro lhe saíu pela culatra, dentro de muito pouco tempo vai estar muito mais calmo, sem contudo ter deixado uma imagem que lhe é muito pouco favorável.
É que em Sesimbra, blogs e comentadores que apenas sabem falar mal dos outros, já chegam e sobejam.
Não eram precisos mais.

Anónimo disse...

Este comuna deve sonhar com o escriba. Gostava era de o ouvir a falar das oitocentas barbelas que o chefe Augusto dá todos os meses ao Zé Pedrinho, para alugar um equipamento que foi pago com o dinheiro dos nossos impostos. Uma escandaleira. Mas disso não falam eles, assobiam pró ar.

Anónimo disse...

Escribasão quê dos outros profissionais da politica a quem o Augusto paga , ou pagou principescamente, para os xuxas estarem caladinhos????
Coitadinho do Zézinho!!!
Mauzão você parece um pedreiro.

Anónimo disse...

Desculpe, lá, mas estúpidos pelos vistos são os dirigentes do PS e do PSD, que só fazem asneiras.

Anónimo disse...

uma pergunta? ainda ps e bloco de esquerda no conselho de sesimbra?
ninguem os encontra? alguns do ps nem tomam posse?

Anónimo disse...

http://gorda-carta.blogspot.com/

Anónimo disse...

Olá a todos!

Visitem o novo blogue da loja SSB em Sesimbra, no Largo da Marinha nº. 12.

http://ssb-portugal.blogspot.com/

Até breve!
SSB